lunes, 2 de marzo de 2009

O Kilimandjaro





O Kilimandjaro, (do swahili Kilima Ya Njaro, montanha do esplendor), é um vulcão apagado situado a norte de Tanzânia, na fronteira de Kenya. Está composto por três vulcões distintos: o Shira, a oeste, o Mawenzi a leste e o Kibo (neve em swahili), onde se encontra o pico Uhuru – ponte culminante das montanhas africanas, de 5.895 m de altitude. Estes três vulcões fazem parte do grande rift, de 50km, que se formou progressivamente entre 1,8 milhões e 10.000 anos. O Kilimandjaro tem uma superfície de 388.500 hectares.
O cume do Kilimandjaro está coberto por uma calote glaciar (Furtwängler). Esta calote glaciar está actualmente ameaçada de desaparecer devido ao aquecimento climático. Se em 1900, a sua superfície era de uns 12km², actualmente só mede aproximadamente 2 km².
A existência de neves eternas em África foi descrita por geógrafos da antiguidade, como Ptolomeu, mas sempre contestada pelos europeus que pensavam que não se podia formar neve num lugar tão quente? Esquecendo que a cume está a 5 km do solo. Mas só em 1861 é que começaram a aceitar que efectivamente havia neve no Kilimandjaro.

9 comentarios:

Mariazita dijo...

Querida Ema
Razão tenho eu quando digo que todos os dias se aprende alguma coisa...ou seja, aprender até morrer.
Vi há muitos anos um filme de que gostei imenso - As neves de Kilimandjaro.
O filme encantou-me, mas desconhecia que é composto por três vulcões.
E imagina só o que o aquecimento global do Planeta já lá provocou: uma área de 12Km2 de gelo resuzida para 2Km2 apenas em 100 anos...
É assustador!!!

Bom fim de semana.

Beijinhos
Mariazita

PS - O meu amigo Botinhas iniciou o seu blog. Se puderes e quiseres vai lá dar-lhe uma forcinha, que ele merece. É gente boa.
Encontras o endereço no meu perfil

Carilisve dijo...

Es una de las bellezas naturales más representativas del continiente Africano.
Es preocupante que las distorsiones climáticas provocadas por nosostros, lleguen a afectar cada rincón de nuestro planeta.
Besos

Mariazita dijo...

Querida Ema
Obrigada pela visita ao meu blog.
Também eu gosto de aqui vir.
Beijinhos
Mariazita

Mariazita dijo...

Passei, dei mais uma olhada às fotos (lindíssimas), e deixo
Beijinhos
Mariazita

Jose Ramon Santana Vazquez dijo...

...me agradaria seguirte desde mi blog de horas rotas lo intento y no lo consigo , y te invito al mio es pero te guste ... un fuerte abrazo jose ramon...ah se me olvidaba y el de aula de paz si entras ya me diras ...

Carilisve dijo...

Pasé a visitarte.
Una beso.

Mariazita dijo...

Fazendo de “pombo-correio”, e seguindo a lista de comentadores da Líria...venho entregar uma cartinha dela.

Beijinhos
Mariazita

Querida(o) amiga(o)
Vou viajar, viagem de fim de curso. Era minha intenção postar um poema, agora que estou de férias, mas não tenho hipótese, o tempo não dá mesmo.
Pedi à Mariazita para o fazer por mim. O poema fui eu que escolhi. É duma poetisa muito pouco conhecida, Maispa Luz, de cujos poemas gosto muito. Este é um dos meus preferidos. Ela escreveu um outro de que também gosto muito, uma conversa entre um feto (humano) e sua mãe. É lindo! Estive hesitante, mas optei por este. O outro fica para outra vez.
Vou deixar este “comunicado” com a Mariazita, que o fará chagar até você.
Espero divertir-me muito nesta viagem, e quando regressar encarar o terceiro período com toda a garra.
Obrigada pelas visitas e comentários sempre tão amorosos que faz ao Lírios. Eu não tenho colaborado, mas acompanho…
Um beijo de muito carinho
Líria.

Vieira Calado dijo...

Fiquei a saber mais sobre este mítico vulcão extinto.

A paisagem é espectacular.

Será por muito mais tempo?

Eis a questão.

Cumprimentos meus.

MARISEL dijo...

Ema que lindas fotos y que interesante reportaje del esplendoroso kilimandjaro, gracias por compartir tanta belleza...
Dejo un regalo para ti en mi mujer de luna.
Besos