lunes, 19 de enero de 2009

Vulcões de África (I) O vulcão Dallol (Etiopia)



O deserto de Danakil, situado dentro da depressão de Afar, na parte oriental de Etiópia, é um dos pontos mais quentes e mais inhóspitos do planeta com temperaturas diurnas que podem chegar a 60 graus centígrados. Nesta zona situada a uns 60 metros por baixo do nível encontra-se o vulcão Dallol, que oferece uma paisagem espantosa, com fontes ardentes com uma gama de cores brilhantes incríveis. Vão de cor de laranja até ao verde, passando pelo branco e o amarelo vivo, devido ao enxofre e a outros minerais. Estas formações de minerais que saem das entranhas da terra criam um panorama que parece de outro planeta.



Esta depressão está habitada desde sempre pela etnia Afar, cuja principal actividade é a extracção do sal. As gigantescas caravanas de sal que cada dia atravessam o deserto, também são um espectáculo em si próprias.

Foi na depressão de Danakil, que alcança os 380 metros por baixo do nível do mar que foi descoberto em 1947 o famoso hominídeo “Lucy”, datado de 3.2 milhões de anos.

Esta será uma série sobre vulcões de África. Adoro os vulcões, atraem-me e quando posso vou visitar algum. Tenho em minha casa uma série de lavas trazidas de vários sítios.
são experiências inesquecíveis; momentos onde parece que estamos muito próximos da nossa mãe terra, fonte de vida, mas também de destruição.

9 comentarios:

Carilisve dijo...

¡Hola!
Espectacular sitio, realmente no parece de éste planeta.
Los colores son impresionantes.
Como siempre, gracias por esas maravillosa historias adezadas por fantásticas fotos.
Un beso

Ema Pires dijo...

Gracias a tí por tu visita.
Un abrazo

Catalina Zentner dijo...

Hermosas imágenes, nos muestras el otro lado de una Africa espléndida, incomprendida, desolada.

MARISEL dijo...

Hola Ema, un poco alejada de mis visitas pues desde que regrese y traje a mi mami conmigo por este mes me mantiene bastante ocupada...
Siempre es tan interesante llegar a tu sitio y leerte, esto es simplemente bello, yo lo ignoraba.
Besos
Marisel

Ema Pires dijo...

Gracias Catalina por tu visita. Ya ves que Africa es un continente muy desconocido para todos y con verdaderos tesoros. Una pena estaren tantos países en guerra.
Por ejemplo a esta región es muy difícil acceder debido a la guerra entre Etiopía y Eritrea.
Un abrazo

Ema Pires dijo...

Hola Marisel,
Te diré lo mismo que le he escrito a Catalina. Pero yo sigo contando lo bello de África, olvidando las miserias, para eso ya están los periodicos.
Un abrazo

Vieira Calado dijo...

Eu também fico sempre fascinado com imagens de vulcões.
E as que traz aqui são espectaculares.

Obrigado

Ema Pires dijo...

Amigo Vieira Calado,
Também sao espectaculares as tuas postagens sobre astronomia.
Um abraço

Siry dijo...

Me puse a revisar todos los post y me encontre con esta maravilla, Ema felicitaciones y gracias por mostrar tanta naturaleza desconocida pero bella.